2021/09/03

Notícias do dia

Tribunal da UE considera ilegais tarifários zero-rating da Vodafone e T-Mobile na Alemanha; ecrã do Apple Watch 7 com 16% mais pixeis; análise aos headphones com cancelamento de ruído Sony WH-1000XM4; óculos VR da Apple precisam de iPhone ou Mac por perto; o que é o anti-ghosting e NKRO nos teclados; e empresa quer fazer publicidade direccionada via reconhecimento facial.

Antes de passarmos às notícias, temos novo passatempo gadget da semana, que desta vez te pode valer um carregador Anker Power Port PD 2. E sendo início do mês, é a altura perfeita para aderires ao Clube AadM+ com descontos e prendas exclusivas.

Apple adia "espionagem" das fotos nos iPhones

A Apple adiou os planos de implementar os polémicos sistemas de análise de fotos nos iPhones dos seus utilizadores, que justificava como sendo necessárias para proteger as crianças, mas que receberam um coro de críticas de todos os quadrantes, e com a própria EFF a dizer que era algo equivalente a uma traição aos princípios prometidos da encriptação e segurança total que a Apple prometia.

Ninguém se opõe ao objectivo que a Apple pretendia conseguir - o combate à pornografia infantil e abuso sexual de crianças - mas a forma como isso seria feito pela Apple abria as portas a que facilmente os sistemas fossem expandidos para se tornarem, eles próprios, ferramentas de abuso em regimes opressivos, que facilmente poderiam identificar outros tipos de imagens que decidissem considerar indesejadas ou ilegais. No entanto, isto não é o fim do sistema; a Apple diz que vai fazer alguns "ajustes" tendo em conta o feedback obtido, mas que continua interessada em implementá-lo.


GM suspende produção em 6 fábricas por falta de chips

O cenário de falta de chips à escala global continua a fazer baixas, e desta vez é a GM a anunciar que irá suspender temporariamente a produção de automóveis em seis fábricas nos EUA por falta de componentes.

Praticamente todos os fabricantes de automóveis foram obrigados a reduzir a produção, ou a fazerem alterações de "desenrasque" (incluindo abdicar de alguns extras), para enfrentarem a falta de chips que afecta toda a indústria electrónica. E por este andar, não é certo que a situação fique regularizada no próximo ano (2022) - levando a que muitos produtos continuem a ser difíceis de encontrar e / ou tenham os seus preços inflacionados.


Primeiro foguete da Firefly Alpha termina em explosão

A estreia da Firefly’s Alpha nos lançamentos espaciais começou bem, mas terminou num dispendioso festival pirotécnico. O seu foguete arrancou bem (ao contrário do da Astra), levando uma carga de pequenos satélites gratuitamente (com conhecimento de causa de que seria um lançamento com altas-probabilidades de falhar), mas passados poucos minutos o foguete ficou fora de controlo, obrigando a que fosse dado o comando de auto-destruição.

Parece que a "maldição" de Joss Whedon, que levou ao fim da icónica série "Firefly" poderá ter-se alastrado para esta pequena empresa de lançamentos.


Actualização: mais detalhes sobre o que se passou.


Transferência de WhatsApp iOS para Android ainda muito limitada

Transferir a informação de um smartphone para outro é uma das coisas mais pedidas pelos utilizadores, e finalmente é possível transferir os dados de um iPhone para um Android - desde que se cumpram algumas condições bastante restritivas. Para começar, esta funcionalidade é por agora exclusiva para smartphones Samsung (mas será posteriormente expandida a todos os Android); mas a segunda condição é que isto apenas se pode fazer durante o processo de configuração inicial do smartphone Android. Ou seja, se por qualquer motivo já tiverem o vosso smartphone configurado e com todas as apps que usam, será necessário fazer um reset de fábrica e recomeçar do zero.

A utilização de apps de mensagens com encriptação total pode garantir a privacidade dos utilizadores, mas depois também pode resultar em complicações acrescidas no momento de transferir esses dados para novos dispositivos. Dito isto, isso não é desculpa para que tal não possa, ou deva, ser feito; e da forma menos intrusiva possível.

Curtas do dia


Resumo da madrugada



Curiosidade do dia: O primeiro telemóvel a ter um sensor de impressões digitais foi o Pantech GI100, lançado em 2004. O sensor não só desbloqueava o telemóvel, como permitia usar diferentes dedos como atalho para chamadas para diferentes contactos (algo que os smartphones actuais não podem fazer).

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]