2021/09/06

Notícias do dia

Alemanha quer 7 anos de actualizações de segurança nos smartphones; bracelete elástica Solo Loop do Apple Watch rebenta passado 1 ano; Windows 11 no Raspberry Pi com o WoR-flasher; cabo lightning "OMG" espia tudo o que se escrever; como fazer uma plotter polar de 3-eixos; SpaceX mostra cúpula que deixará passageiros "estar no espaço"; Nissan revela novo método para reciclagem de materiais raros dos motores eléctricos; e BrakTooth revela mais vulnerabilidades no Bluetooth.

Antes de passarmos às notícias, temos novo passatempo gadget da semana, que desta vez te pode valer um carregador Anker Power Port PD 2.

Alarme nos Android não toca - e a culpa é do Spotify

Há relatos de pessoas que estão a descobrir que uma das funcionalidades mais básicas - mas importantes - dos seus smartphones não está a funcionar: os alarmes. As suspeitas sobre o que estaria a fazer com que os alarmes não tocassem eram muitas, mas entretanto a Google veio dizer que o principal suspeito é a integração com o Spotify, e que os utilizadores deverão definir um dos sons de origem do smartphone, ou outro ficheiro de som local, para evitarem este problema até que a situação esteja resolvida.

Não deixa de ser curioso que, com tecnologia equivalente à de um super-computador que cabe nos nossos bolsos, depois se tenha que lidar com este tipo de situações em que nem sequer se pode confiar que seja capaz de nos acordar ou alertar à hora certa - coisa em que os velhos telemóveis não falhavam, alguns deles até podendo dar o alarme mesmo que estivessem "desligados".


Fariphone abandona Fairphone 3

A Fairphone, que se tem focado em lançar smartphones sustentáveis, diz ter sido forçada a abandonar o Fairphone 3 ao fim de dois anos no mercado, apesar de ter prometido cinco anos de actualizações e componentes. A marca diz que também ela é uma vítima do panorama geral de falta de chips, que torna impossível manter a produção deste modelo, optando por se focar exclusivamente no modelo mais recente, o Fairphone 3+.

Apesar do Fairphone 3 deixar de estar disponível, a Fairphone diz que todos os demais compromissos serão para manter, incluindo a disponibilização de actualizações e o prometido Android 11 em 2022.


NASA explora "enxames" de satélites para vigiar a Terra

A NASA está a explorar a utilização de "enxames" de satélites para registar acontecimentos na Terra com um nível de detalhe sem precedentes. Usando múltiplos satélites, será possível registar imagens de coisas como formações de nuvens e outros fenómenos atmosféricos, ou até grandes incêndios e da propagação das nuvens de fumo, a partir de múltiplas perspectivas e com uma frequência temporal mais elevada - com cada satélite a dar o seu contributo sempre que passe na área pretendida.

Este tipo de recolha de dados seria mais eficiente do que a utilização de um único satélite, como agora é feito, que apenas apresenta um único ponto de vista, e que por vezes apenas pode captar imagens da área num curto período de tempo a cada dia.


Google prepara "detecção de humanos" nos Chromebooks

A Google está a preparar uma nova funcionalidade para os Chromebooks, que promete saber quando estão pessoas por perto, podendo fazer coisas como autenticar automaticamente o utilizador quando este se senta em frente ao computador, e bloqueá-lo quando o utilizador se afasta.

Seria algo que poderia ser conseguido com ajudar do sensor de radar Soli da Google, que até poderia ter capacidade para detectar o que as pessoas estariam a fazer; mas parece que a Google vai optar simplesmente pela utilização da câmara para fazer essa detecção. Depois, será apenas uma questão de se saber se os utilizadores estarão dispostos a serem monitorizados continuamente para esse efeito, mesmo assumindo-se que tudo será feito localmente sem envio de dados para a cloud - mas com possibilidades algo assustadoras, como o sistema ser capaz de saber a cada instante se o utilizador está atento ao ecrã ou a olhar para o lado, ou se fica mais atento para certo tipo de conteúdos, etc. etc.


Curtas do dia


Resumo da madrugada






Curiosidade do dia: Embora o Hubble seja o telescópio espacial mais famoso, o primeiro telescópio espacial a poder ser considerado como tal foi o American Orbiting Astronomical Observatory (OAO-2) lançado para o espaço em 1968.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]