2019/12/09

Notícias do dia

Vodafone dá 10GB de dados este Natal; Cybertruck da Tesla não cabe na maioria das garagens; pais castigam filha apoderando-se do Instagram dela com resultados hilariantes; ESA vai testar sistema de protecção contra asteróides; investigadores recriam vídeo a partir das sombras; Android pode perder instalação de apps de fora da Play Store; Google Maps prepara informação sobre estradas bem iluminadas; Tesla começa a cobrar mensalidade para dados; ransomware ao ataque nos NAS; e JustWatch mostra onde ver filmes e séries em streaming.

Antes de passarmos às notícias de hoje, não te esqueças de participar no nosso mega-passatempo de Natal 2019 com 31 dias de prendas.

China ordena remoção de computadores estrangeiros



A China decidiu "pagar na mesma moeda" aos EUA, e ordenou a remoção de todos os computadores estrangeiros de locais governamentais - replicando aquilo que os EUA têm feito com a Huawei (proibição de utilização de equipamentos da marca chinesa, tanto a nível de smartphones e computadores, como também de material de infraestrutura nas redes).

A media, que prevê um período de transição de três anos, irá afectar especialmente marcas norte-americanas como a Dell, HP, e Microsoft. Chegaremos ao ponto de, um destes dias, cada país só confiar nos produtos que forem integralmente desenvolvidos e produzidos dentro das suas próprias fronteiras? (E antes que se pense que as preocupações apenas devem recair sobre fabricantes chineses, a Ericsson acaba de admitir que subornou pessoas na Ásia para vender equipamentos...)


Harmony OS da Huawei chega aos smartphones em 2020



Entretanto, o presidente a Huawei anunciou que o HarmonyOS da marca irá chegar aos smartphones no próximo ano. o HarmonyOS é o sistema desenvolvido pela Huawei e que inicialmente estava planeado para ser utilizado em dispositivos IoT, mas que é suficientemente versátil e modular para ser aplicado a praticamente todos os tipos de equipamentos - incluindo os smartphones.

Essa indicação tinha sido dada inicialmente como resposta ao bloqueio dos EUA e à eventualidade de perder o acesso ao Android, mas foi prontamente refreada a dizer que isso não poderia ser feito num prazo de tempo tão reduzido quanto o que tinha sido dado a entender. No entanto, é algo que se poderá vir a concretizar em 2020. Relembre-se que, de momento, os novos smartphones da Huawei, como o Mate 30, vêm com Android mas sem acesso às apps da Google (a não ser que os utilizadores se encarreguem de instalar a Play Store e serviços manualmente). Ainda está por verificar como é que o mercado europeu irá reagir a isso...


Tesla Model 3 em Autopilot abalroa carro de polícia nos EUA



Há mais um caso de um "falhanço" do Autopilot, com um Model 3 a abalroar um carro da polícia que estava parado atrás de um carro imobilizado na estrada. O condutor aparentemente estaria voltado para trás para se focar no seu cão, tendo sido acusado de condução perigosa (o sistema Autopilot continua a requerer a atenção constante do condutor).

Este não é o primeiro acidente do Autopilot deste tipo, com veículos parados na berma, uma vez que está deliberadamente desenhado para os "ignorar" e não provocar uma travagem de emergência caso se estivesse a passar por um carro encostado. No entanto, está visto que é preciso um pouco mais de inteligência do Autopilot para reconhecer quando está a seguir em rota de colisão contra esses carros parados.

Enquanto isso... temos casos caricatos como um concessionário da Infiniti (marca de luxo da Nissan) a entregar um Model 3 a um cliente...


A "morte dos PCs" continua a ser adiada



A chegada dos tablets prenunciou (para alguns) a morte dos computadores, mas uma década mais tarde, essa morte anunciada continua por concretizar. O mercado dos PCs não tem crescido, mas também está longe de sofrer o colapso que alguns previam. Os computadores continuam a manter a sua popularidade, acompanhado a evolução ao longo dos anos (a adopção dos SSDs fez "maravilhas" pela experiência de utilização dos mesmos).

Hoje em dia, mesmo com smartphones e tablets cada vez mais poderosos, algumas vezes com hardware que chega a superar o dos portáteis mais económicos, continuam a coexistir lado a lado, em vez de invadirem o espaço uns dos outros. Talvez o passo que falte seja aquele que permita usar um smartphone como "PC" quando nos aproximamos de um monitor com rato e teclado - como vai sendo timidamente abordado por vários fabricantes. Talvez o que falte seja um sistema standard universal para atingir esse objectivo...


Curtas do dia


Resumo da madrugada




Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]