2021/03/29

Notícias do dia

Xiaomi já apresentou o Mi 11 Ultra com mini-ecrã traseiro e a nova Mi Band 6; Apple Watch pode determinar "fragilidade" de pacientes cardíacos; o Ever Given já tem gerador de memes (e já foi desencravado no canal do Suez); Razer vai produzir máscara futurista; as impressionantes pinturas VR de Anna Dream Brush; cientistas replicaram oAntikythera da antiguidade; e a Famel está de regresso com moto eléctrica.

Antes de passarmos às notícias do dia, temos novos passatempo gadget da semana, que te pode valer um rato transformável Trust Gaming GXT 970 Morfix. Participa e partilha.

VW promete "pão de forma" autónomo

Continuando a sua campanha de electrificação (para tentar fazer esquecer o escândalo dieselgate o mais rapidamente possível, agora que diz já ter concluído todas as investigações), a VW vai já prometendo que a sua carrinha ID Buzz - que recupera o formato da popular carrinha do século passado conhecida como "pão de forma" - irá ser o modelo que vai estrear a capacidade de condução autónomo total na marca.

No entanto, e como é habitual nas promessas da VW, isto é algo que ainda está a muitos anos de distância, já que isso será feito só numa segunda fase, depois de já ter sido lançada uma versão comercial normal. Pelo que, não esperem ver "pães de forma" a passear sozinhas pelas estradas antes da segunda metade da década - e isto numa perspectiva optimista.


MS diz que 92% dos servidores Exchange vulneráveis já estão corrigidos

A Microsoft continua a tentar distanciar-se do caso da vulnerabilidade dos servidores Exchange que demorou meses a corrigir e anuncia que 92% dos servidores afectados já terão aplicado as actualizações para ficarem imunes a este ataque.

No entanto, e para não criar uma falsa sensação de segurança que se possa vir a tornar num novo tópico para acusações futuras, a MS ressalva que a aplicação desta actualização não elimina automaticamente potenciais backdoors ou malware que tenha sido instalado pelos atacantes, e que será da responsabilidade dos respectivos administradores de sistema efectuarem os devidos testes e verificações para garantirem a segurança das suas redes.


Stretch da Boston Dynamics consegue lidar com caixotes nos armazéns


Numa altura em que a Amazon vai sendo acusada de tratar os funcionários como robots, a Boston Dynamics revela o seu mais recente robot, o Stretch, concebido para lidar com embalagens em armazéns.

Segundo a Boston Dynamics, estes robots têm capacidade para manipular até 800 embalagens por hora, sendo competitivos com trabalhadores humanos, mas sem a necessidade de pausas para almoçarem ou irem ao WC. Ainda assim, não têm a capacidade de descarga rápida que vimos recentemente nos robots da Fraunhofer. ;)




Grafeno pode tornar-se no silício da nova geração

Com a evolução dos chips a ser travada pelos constrangimentos físicos do silício que impedem a habital duplicação das capacidades da Lei de Moore, as empresas procuram alternativas que possam servir como caminho para as próximas décadas, e o grafeno parece ser um dos candidatos melhor posicionados para isso.

Actualmente temos chips fabricados com tecnologia de 5nm e em breve teremos chips de 3nm - tecnologias que pareceriam impossíveis há umas décadas atrás, e que nos trazem chips com elementos que começam a ser medidos em dezenas de átomos. Mas, isso em breve poderá ser considerado pré-histórico, graças a materiais mais exóticos como o grafeno, que potenciarão a era dos materiais "2D", com apenas um átomo de espessura, e que prometem um salto evolutivo de gigante em termos de velocidades e eficiências. Mas, para isso será preciso que se desenvolvam métodos de produção de alto-volume, e isso é algo que ainda poderá demorar muitos anos. Seja como for, é algo em que muita gente estará a trabalhar neste preciso momento - e bem que agradeceremos novos produtos que tenham autonomias ultra longas e não desperdicem a energia eléctrica a gerar calor.


Curtas do dia


Resumo da madrugada






Curiosidade do dia: Os primeiros cartões de memória SD chegaram ao mercado no ano 2000, com capacidades de 32MB e 64MB. Hoje em dia temos cartões microSD com 1TB a custarem menos de metade do preço do primeiro cartão com 1GB (que custava cerca de 500 euros) em 2004.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]