2020/12/09

Notícias do dia

Apple Watch Celular chega a Portugal com a NOS; Apple lança AirPods Max com cancelamento de ruído; QuantumScape cria bateria de lítio de estado sólido; o serviço de streaming de jogos Google Stadia já está em Portugal; a Foxconn foi atacada por ransomware com resgate de €28 milhões; e, depois de ter gozado com a Apple, a segue o exemplo e vai remover carregadores nos Galaxy S21 - que deverão ser revelados a 11 de Janeiro.

Antes de passarmos às notícias do dia, relembro que já começou o nosso mega-passatempo de Natal, com 31 dias de prendas e que hoje te pode valer uns headphones JBL E35.

WhatsApp queixa-se da "etiqueta" de privacidade da Apple

O WhatsApp está a queixar-se da nova exigência da Apple, de que as apps apresentem uma etiqueta de privacidade, dizendo que isso é uma forma de discriminação contra todas as apps na App Store face às apps da Apple que já vêm pré-instaladas no iOS, como o Messages, Mail e Safari, e que por isso nem sequer podem ser comparadas com as demais.

De resto, esta etiqueta - que de momento ainda não é apresentada na App Store - continuará a ser sempre meramente informativa, e não será difícil para qualquer app explicar porque motivo precisa de aceder aos dados que quer aceder; acabando sempre por ser uma questão de confiança acreditar que o acesso a esses dados não será abusado.

Actualização: A Apple diz que também irá aplicar as etiquetas às suas próprias apps.


Google Photos sincroniza fotos favoritas com Apple Photos

Quem utilizar o Google Photos em iPhones e iPads vai ter a vida facilitada a nível da gestão das fotos que mais gosta. Vai ser possível sincronizar as fotos favoritas entre o Apple Photos e o Google Photos (o "coração" no Apple Photos, e a "estrela" no Google Photos).

Uma funcionalidade interessante, mas que peca por chegar numa altura em que temos muitos utilizadores do Google Photos descontentes com o facto da Google ter acabado com o espaço ilimitado gratuito para as fotos, e que será a pagar a partir do próximo ano - levando muitos deles a procurarem por alternativas que não os deixem dependentes de serviços na cloud.


Austrália modera intenções de fazer Google e Facebook pagarem por notícias

Na Austrália está a ser discutida legislação que obrigue as plataformas online a pagarem pelas notícias que lá forem partilhadas, mas à semelhança do que aconteceu noutros países, também por lá se parece estar a cair na realidade e a reconhecerem que o caso não pode ser tratado de forma unilateral. Numa das alterações mais recentes, já foi reconhecida a importância e o valor que as plataformas online têm ao fazerem chegar visitantes às respectivas publicações noticiosas.

Com sorte, não teremos que passar por mais uma repetição da história, com as plataformas online a boicotarem a publicação e partilha de notícias, as visitas aos respectivos sites caírem a pique, e depois virem dizer que afinal preferem que as suas notícias possam continuar a ser publicadas e partilhadas como dantes.


Google Messages começa a testar mensagens RCS encriptadas

Depois de ter acelerado a adopção dos RCS (a geração mais avançada dos SMS) com o Messages, a Google continua a dar passos no sentido de os tornar na próxima geração de mensagens standard que possa dispensar (ou unificar) os variados serviços de mensagens que continuam a proliferar. Agora, com a implementação de mensagens RCS com encriptação end-to-end, tal como muitas das plataformas de mensagens já permitem.

Por agora é algo que está disponível apenas na app Google Messages beta, mas será inevitável que mais cedo ou mais tarde venha a ser aplicada à versão pública oficial. Claro que, para quem não quiser confiar na Google para manter as suas mensagens seguras, poderá sempre recorrer a apps como o Signal.


Curtas do dia


Resumo da madrugada




2 comentários:

  1. A implementação do RCS pela Google têm me deixado com bastantes dúvidas.

    Está a seguir a norma da GSMA? É que ao implementar incriptação, de certeza que só funciona a quem usa o Google messages (e ficam de fora quem usa Samsung messages, os velhinhos Windows phone com RCS...)

    ResponderEliminar
  2. a xiaomi começou a mostrar um prompt que recomenda o uso da mssages da google em detrimento da aplicação proprietária

    ResponderEliminar

[pub]