2018/12/10

Notícias do dia

Elon Musk promete Teslas autónomos "para breve"; Apple começa a "exagerar" na promoção do iPhone XR; fabricantes preparam-se para declínio na venda de smartphones; a velha questão das lâmpadas inteligentes vs Interruptores inteligentes na domótica; novo Nissan Leaf E-Plus prolonga autonomia para os 405Km; Jaguar I-Pace obtém 5 estrelas nos testes de colisão Euro NCAP; MS volta a suspender actualização do Windows 10 após BSODs; reconhecimento facial na China envergonha empresária injustamente; e o Tumblr fecha as portas à pornografia.

Antes de passarmos às notícias, relembro que continua a decorrer o nosso mega-passatempo de Natal com 31 dias de prendas e que ainda vão a tempo de uma potencial prenda de Natal extra, já que a adesões ao Clube AadM+ feitas até ao final do dia de hoje ainda ficam habilitadas a ganhar o Pixel 3 que temos para oferecer este mês.

ECG no Apple Watch já está a salvar vidas



A Apple já activou finalmente a funcionalidade de ECG do Apple Watch e monitorização de irregularidades cardíacas (só nos EUA por agora), e não demorou para que isso começasse a surtir efeito. Um utilizador foi surpreendido por um alerta do seu Apple Watch a alterar para potenciais problemas cardíacos - através do teste que é feito a cada duas horas, e que foi confirmado pela leitura do ECG no próprio relógio - fazendo com que se apressasse a ir ao médico, onde veio a ser confirmado o diagnóstico.

O médico disse que este senhor provavelmente deverá a sua vida a este pequeno gadget, e isto vem demonstrar a grande revolução que este tipo de dispositivos capazes de monitorizar a nossa saúde, irá ter na nossa sociedade - alertando para problemas que muitos utilizadores poderiam nunca sequer saber que sofrem... até que potencialmente já fosse tarde demais. Não é por isso de estranhar que a Apple se esteja a alargar nesta área, que até já inclui sensores para as camas para análise do sono.


China suspende venda de iPhones devido a processo da Qualcomm



Se nos EUA o processo Apple vs Qualcomm parece bem encaminhado, na China a Qualcomm conseguiu uma vitória ao fazer com que a maioria dos iPhones fique com a venda suspensa no país.

Seguramente a Apple se apressará a responder a esta suspensão com um pedido de "suspensão da suspensão", alegando que não faz sentido estar a ser prejudicada até que se chegue a uma decisão final sobre o caso; mas essa é também a justificação da Qualcomm para pedir a interrupção nas vendas, dizendo que é ela a prejudicada. Uma coisa é certa... Não será uma boa altura para a Apple perder o acesso ao mais apetecível mercado mundial.

Actualização: afinal parece que a proibição será referente apenas a iPhones com iOS 11... e portanto, com efeito nulo (já que todos os iPhones comercializados vêm com iOS 12)


Chrome 71 adiciona web apps ao painel de partilha do Android



As web apps continuam, lentamente, a ganhar funcionalidades que anteriormente estavam reservadas a apps nativas. Com a chegada do Chrome 71 aos Android, chega também o suporte para que uma web app se possa registar como serviço de partilha, passando a estar presente no painel de sistema.

Por agora apenas é permitido que as web apps se registem como sendo capazes de receber texto ou imagens, mas a capacidade para também poderem receber / redireccionar ficheiros está prometida para uma actualização futura.


Snapdragon 8cx quer enfrentar CPUs Intel nos PCs



Se os chips ARM têm dominado o segmento móvel, com maior eficiência do que os chips Intel, não seria de imaginar que o mesmo também acontecesse no segmento dos computadores tradicionais? A Qualcomm acha que sim, e para isso lançou os seus Snapdragon 8cx, chips que deixam de ter como constrangimento as reduzidas baterias e capacidade de dissipação dos smartphones e que apontam as armas aos chips Intel de consumo reduzido.

Estes chips, que serão uns dos primeiros chips de 7nm a chegar aos "PCs", prometem ter um desempenho idêntico aos Intel Core i5 de 15W, mas consumindo metade da energia - o que permitiria uma diferença substancial na autonomia de um portátil ou tablet. Claro que, para isso, será também preciso que se tenha um Windows devidamente afinado para usar estes chips... e é aí que as coisas podem ficar um pouco mais complicadas. (Por outro lado, sem dúvida que isto virá beneficiar Chromebooks e outros equipamentos onde esse processo de adaptação não seja tão complicado).


Secção "Para si" do Google Maps chega a Portugal


Enquanto vai matando e criando novas apps de mensagens, a Google tem também tempo para ir transformando o Google Maps numa plataforma mais social, e já fez chegar aos utilizadores portugueses a nova secção "Para si" - uma secção que irá fazer sugestões personalizadas sobre restaurantes, bares e cafés, e que se torna de particular interesse quando se está em algum sítio onde não se conheça "nada".

Como é habitual nas actualizações destes serviços, esta nova secção irá chegando aos utilizadores de forma gradual ao longo dos próximos dias. Pelo que, se ainda não vos aparecer... é esperar até que apareça. Mas não tenham pressa que isto ainda precisa de muitas afinações, com a secção a recomendar-me muitos restaurantes em Albufeira e Loulé... estando eu no Porto! (Se calhar o algoritmo de previsão da Google é tão avançado, que já sabe que eu irei ao Algarve em breve, mesmo sem eu o saber! ;)


Curtas do dia


Resumo da madrugada




Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]