2021/11/02

Notícias do dia

Tesla abre Superchargers na Holanda a outras marcas; Apple corta produção de iPads para ter chips para iPhones; Vidro 5D leva 500 TB de dados no espaço de um CD; Toyota bZ4X eléctrico chega com volante by-wire; Robots Spot replicam videoclip dos Rolling Stones; Apple Watch dá horas por vibração; música dos Ghostbusters tocada por escovas de dentes; baterias de fibra de carbono querem substituir elementos estruturais; iPhones vão detectar acidentes em 2022; ladrões usam "Game Boy" para roubar carros; e óculos de realidade aumentada da Apple chegam em 2022 - mas vão ser caros.

Antes de passarmos às notícias, temos o passatempo gadget da semana que te pode valer um anel de luz LED para melhorar fotos e vídeos, e sendo início do mês é o momento ideal para aderires ao Clube AadM+ com descontos e passatempos exclusivos.

YouTube remove canal de notícias sem explicação

Levantando sérias questões sobre o poder que detém sobre os conteúdos, temos mais um caso de um canal que foi sumariamente removido do YouTube sem qualquer explicação.

O canal Novara dedica-se a apresentar notícias no YouTube, mas foi surpreendido por um email que informava que tinha sido removido do YouTube - e explicações, nem vê-las. Neste caso, a confusão que se gerou foi suficiente para repôr o canal em poucas horas e dizer que "foi um erro"; mas outros canais mais pequenos poderiam não ter a mesma sorte, arriscando-se a poder ficar semanas fora do ar, perdendo seguidores e também os lucros da apresentação de publicidade.

Já era tempo da Google / YouTube ter em consideração os numerosos erros que podem existir, e tentar reduzir ao máximo o impacto negativo que isso tem nos casos em que a remoção de vídeos for feita por engano.


Espera por chips aumenta para as 22 semanas

A falta de chips continua a gerar o caos em praticamente todos os sectores com componentes electrónicos, com os prazos de entrega a aumentarem para as 22 semanas - quase 6 meses.

São prazos incomportáveis para sectores que seguem um ciclo evolutivo mais rápido. Veja-se marcas como a OnePlus, que tradicionalmente lançava dois novos modelos actualizados por ano. Com prazos de entrega de 6 meses, só receberá componentes para um smartphone na altura em que já devia estar a lançar o próximo. Isto já nos dá uma pequena ideia das grandes dores de cabeça que todas estas empresas estão a enfrentar.


ByteDance impõe horário de trabalho reduzido na China

A ByteDance, a empresa por trás de sucessos como o TikTok, está a tentar mudar a tradição de trabalho 996 na China, impondo horários mais reduzidos, como já tinha sido falado há alguns meses.

Na China são muitas as empresas que esperam que os funcionários trabalhem no horário "996", das 9h da manhã às 9h da noite, 6 dias por semana. Mas a ByteDance quer servir como exemplo de mudança e vai implementar um horário das 10h às 19h, de segunda a sexta. Veremos se as outras empresas seguem este exemplo, ou se preferem manter-se no 996.


Zoom testa publicidade nas contas gratuitas

Até admira ter demorado tanto tempo, mas só agora o Zoom está a fazer testes com a intuito de apresentar publicidade aos utilizadores de contas gratuitas.

Por agora isto só acontecerá em certos países, nas páginas web apresentadas após o final da video-conferência, e apenas se a pessoa que iniciou a video-conferência também tiver uma conta gratuita. Se se mantiver assim não será intrusivo, mas também se pode dar o caso de, daqui por algum tempo, se estar a levar com publicidade a cada 10 ou 15 minutos no meio das videoconferências gratuitas. E já sabemos como é: basta um começar a fazê-lo que todos os outros serviços com modadlidades gratuitas irão a correr atrás.


Curtas do dia


Resumo da madrugada






Curiosidade do dia: Embora sem expressão em Portugal, o sistema de rádio digital DAB começou por ser usado de forma experimental na Europa na década de 80, com o primeiro canal oficial - a NRK Klassik noruguesa - a iniciar operações a 1 de Junho de 1995.


Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]