2018/04/30

Notícias do dia

França apodera-se do domínio france.com; Xiaomi Mi A2 será revelado em breve; Apple prepara óculos VR "de luxo" para 2020; sites estão a exigir que visitantes dispensem direito a processá-los; ZTE prepara outro smartphone com notch duplo; Huawei criou sistema mobile alternativo ao Android; recomendamos 10 apps ARKit que vais querer experimentar no teu iPhone; este Verão vai ficar mais quente com a montanha-russa em LEGO que chega a 1 de Junho; e ainda o caso de um condutor de um Tesla proibido de conduzir por 18 meses por passar para banco do passageiro em andamento.

Antes de passarmos às notícias do dia relembro que o final do mês é sempre uma excelente altura para aderirem ao Clube AadM+, e que estamos na recta final dos passatempos para a micro action cam e mais alguns exemplares do livro RGPD da FCA.

Instalação de câmaras de videovigilância já não precisa de autorização antecipada



A instalação de sistemas de videovigilância, tanto em casas particulares como empresas, deixa de estar sujeito a um pedido de autorização prévio às autoridades competentes. Uma novidade que vem simplificar a vida aos cidadãos e dispensar a burocracia que era exigida; mas que teoricamente também deverá ser acompanhada por um reforço da fiscalização para garantir que não há abusos.

Pelo menos até que surjam notícias das potenciais consequências dessa fiscalização e eventuais abusos, o efeito prático é um maior "descanso" para todos os portugueses que desejarem colocar câmaras para vigiar as suas casas...


Chrome vai ganha abas mais rectangulares



A Google está a preparar uma remodelação do Chrome para seguir as directrizes do chamado "Material Design 2.0" e um dos aspectos mais visíveis será o estilo das abas, que perderá o actual design com as laterais inclinadas, passando a adoptar um formato rectangular com cantos arredondados.

Uma diferença que não será muito polémica (embora, como sempre, obrigue a um período de habituação) mas que me parece que, para além da componente estética... poderá permitir poupar alguns pixeis extra - bem preciosos para aqueles que acumularem dezenas de páginas abertas no Chrome. :)


Rússia lança primeira central nuclear flutuante



A Rússia acaba de lançar primeira central nuclear flutuante, o que pode ser visto como uma obra de engenharia por um lado, mas não deixando de levantar sérias preocupações ambientais com tudo o que pode correr mal. O Academik Lomonosov vai ser rebocado até ao Árctico, onde ira fornecer energia a uma cidade dedicada à extracção de petróleo.

Por outro lado, a cidade já era alimentada por uma central nuclear, pelo que na prática esta iniciativa acaba por poder ser encarada como uma forma mais eficiente de construir uma nova central e levá-la até lá, do que construí-la naquele local remoto. (Adicionalmente, não nos podemos esquecer que não faltam embarcações nucleares a cruzar os oceanos, pelo que a ideia de ter reactores nucleares a flutuar - até debaixo de água, no caso dos submarinos - não é nenhuma novidade...)


Preços das placas gráficas está a regressar aos níveis normais?



A popularidade (leia-se: o preço elevado) das criptomoedas teve, como efeito secundário, uma súbida astronómica do preço das placas gráficas com GPUs mais potentes, mas pode ser que essa situação esteja a regressar ao normal. Por um lado, a queda do valor das criptomoedas faz com que seja muito menos interessante ter placas gráficas a gerar moedas em casa; por outro lado, a eventual transição para outros métodos de validação que não dependem de "gastar GPU" também tem levado a maior cautela na compra em quantidade industrial das placas.

É certo que placas de 200 euros que chegaram a atingir preços de 500 euros já se podem encontrar a menos de 400 euros... Mas suspeito que isso também tenha a ver com a proximidade do lançamento de uma nova geração de GPUs. Mal saiam os novos GPUs da Nvidia e AMD, veremos se realmente os preços se mantêm nos recomendados... ou se voltam a disparar.


Curtas do dia


Resumo da madrugada





Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]